segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Prá quando a saudade apertar

Hoje perdi uma tia muito muito amada, que me ajudou infinitamente, até quando estava sem saúde ou cansada... mas a vida é assim e devemos ter forças prá aguentar tamanho sofrimento e se lembrar dos bons momentos vividos juntos, do quão importante a pessoa foi prá gente e sempre agradecer a Deus pela oportunidade de tê-la conhecido e compartilhado um pouco da sua vida e quando a saudade apertar, fazer uma comidinha bem gostosa, que era o que ela mais gostava de fazer, e assim aquecer a alma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores